Ribeira GrandeFreguesiasMatriz

Modo fotográfico

Matriz

Com uma área geográfica de cerca de 10.82 km2, onde se inclui os lugares de Caldeiras e Lombadas, a freguesia de Matriz (Nossa Senhora da Estrela) confronta com o oceano Atlântico e com as freguesias da Conceição, Ribeirinha e São Miguel (concelho de Vila Franca do Campo).

A toponímia desta freguesia – Matriz – deve-se ao facto de ser a freguesia mãe da Ribeira Grande.

A sua constituição, enquanto lugar ou pequena freguesia, remontará a uma época anterior à da edificação da sua principal igreja, a de Nossa Senhora da Estrela, na época de quinhentos.

É Gaspar Frutuoso, no seu livro quarto das “Saudades da Terra” quem nos dá as primeiras informações acerca deste povoado: “O primeiro vigário desta vila e freguesia foi Rodrigo Anes (…) tem esta freguesia de Nossa Senhora da Estrela sufragâneo o lugar de Rabo de Peixe e anexas cinco ermidas, sc., de Nossa Senhora do Rosário, Santa Luzia, Santo André, São Sebastião, Nossa Senhora da Conceição, afora a do Espírito Santo, que é um spitral para pobres e doentes, situado junto da praça, e afora um sumptuoso mosteiro da advocação de Jesus, acima do spitral, não tão rico em edifícios, como em virtudes de nobres e virtuosas religiosas, o qual fez em suas próprias casas Pêro Roiz da Câmara”.

A Matriz é uma das freguesias do concelho da Ribeira Grande que, em termos de património natural e cultural, maior riqueza apresenta.

Gráfico Demográfico das Freguesias da Ribeira Grande